sexta-feira, 8 de abril de 2011

Auto-amor

Entre tantos inimigos, encontrou um meio de nao se sentir só: criou um outro dele mesmo.
Assim, pensava que nao mais haveria de ter perto de si qualquer um q lhe desejasse mal, afinal... haveria até ele mesmo de ser seu proprio inimigo?

Foi confiando no outro que tudo começou. Estendeu a mao, quebraram-na. Esta ainda servia, apesar de nao ser a mesma de antes. Mas desse episódio, o coração... esse era bem mais diferente do antigo... apesar de ainda plantado em seu peito, ficou assim: inquebrável, inatingível, cheio de si e apenas por si. Pelo menos, era o que pensava.

Tudo bem que assim, só, jamais poderia ser odiado ou machucado. Mas também nao haveria quem o abraçasse e ainda mais acalentasse, se um dia (vai saber) quebrasse, todas as fronteiras que criou.

O homem decide o que o menino nao sonhou.




Um comentário:

Yuan Sui disse...

Not only this but it has been proven by designers before that DRM is stolen more. A activity title that was published a while ago was published with a DRM edition and 聽a DRM-free edition of the experience. It was discovered that the DRM edition was stolen MORE that the DRM-free edition. I relax my case, just quit DRM and release activities without it, players would actually enjoy the experience.

RS Gold  Buy Diablo 3 Gold   Buy Guild Wars 2 Gold